Imprensa - Detalhes

Inclusão essa é a causa

Juiz lança livro e doa renda das vendas para APAE de Jundiaí

30 ABRIL 2018
 Juiz lança livro e doa renda das vendas para APAE de Jundiaí

O Juiz Federal, Dr. José Eduardo Leonel, doou toda a renda obtida com a venda do seu primeiro livro, “Escravos da insensatez: crônicas da história dos heróis" para APAE de Jundiaí. A Organização foi escolhida porque o juiz conhece pela importância da APAE para a sociedade.


Dr. José Leonel fez questão de entregar pessoalmente o dinheiro arrecadado com a venda dos exemplares do livro lançando em São Paulo no começo do mês de abril, na Livraria Cultura. Ele foi recebido pelo presidente, Wagner Chachá e pela diretora executiva, Suely Angelotti. Na oportunidade eles foram presenteados com um exemplar autografado do livro.


Segundo o juiz, o livro traz muito da sua infância, cheia de livros e leituras, herança de sua avó. “A minha avó amava os livros e tinha uma biblioteca incrível. A minha paixão pela leitura veio daí. Queria que todo esse conhecimento que adquiri ao longo da minha vida pudesse fazer bem a alguém de alguma forma, por isso decidi lançar o livro e doar toda a renda. A APAE de Jundiaí foi escolhida pelo carinho que tenho pela instituição e por reconhecer o excelente trabalho que presta para a comunidade”, comentou.


Dr. Leonel fará o lançamento do livro em Jundiaí ainda no primeiro semestre desse ano, e a renda obtida com a venda também será revertida para a Organização.

SOBRE O LIVRO


Inspirado na beleza dos atos heroicos e na coragem de personagens históricos, como Dom Pedro I, Napoleão Bonaparte e Alexandre, o Grande, o juiz federal José Eduardo Leonel estreia na literatura com o lançamento de seu primeiro livro de contos ficcionais, Escravos da insensatez: crônica da história dos heróis, publicado pela Editora Prismas.


A narrativa do autor busca a todo tempo, nitidamente, alcançar uma linguagem que, em si própria, reflita o heroísmo do qual trata. Os 14 contos abordam diversos personagens, como o ministro Adauto Lúcio Cardoso e sua indignada e lendária repulsa frente à aprovação do STF à Lei da Censura Prévia, em 1971; um dos discípulos de Cristo que o acompanha em seus últimos momentos; a poetisa Safo e o encontro do rei Arthur com sua espada Excalibur. “Não interessa o que o herói realmente quer, se ele tem um ego enorme ou nenhum, se pensa assim ou assado. Se ele se dispõe a dar a vida pela comunidade, pronto: ele é um herói”, explica Leonel.

Tel. (11) 4588-2900
email: apae@apaejundiai.org.br
Rua Dr. Francisco Telles, 475
Vl Progresso - Jundiaí - SP

2018 © APAE Jundiaí - Todos os direitos reservados. Criação DMG&A | Desenvolvimento Global WS